Favela em Pauta realiza 1° Encontro Nacional com equipe de jornalistas Comentários desativados em Favela em Pauta realiza 1° Encontro Nacional com equipe de jornalistas 893

Entre 31 de janeiro e 03 de fevereiro, o Favela em Pauta (FP) reuniu presencialmente, pela primeira vez, todas as nossas partes dos Brasis. Jornalistas do Norte ao Sul, passando pelo Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste, estiveram juntos no Rio de Janeiro para definir alguns novos rumos para o portal em 2022.

Entre reorganizações internas, análise de conjunturas sociopolíticas e intensas trocas de referências, o Favela em Pauta marca mais um novo momento em sua trajetória de atuação. Mas nada que se afaste dos ideais que impulsionaram Daiene Mendes, Michel Silva e Thaís Cavalcante naquele 2016, quando retratando as Olimpíadas pela ótica das favelas e periferias cariocas, apontaram rumos de escrita jornalística a partir da vivência dessas pessoas.

Com o Mapa Corona nas Periferias, o FP inaugurou uma metodologia – ou quem sabe, uma tecnologia, caminho de escrita – que pretende abrir espaços para os diferentes territórios que constituem o Brasil e esses contarem suas histórias de conquistas, dores e sabores. O Brasis simboliza a materialização desse propósito, um jornalismo realizado por diferentes profissionais, de diferentes regiões, com diferentes estratégias. Juntos, construindo pautas viscerais para a compreensão de realidades que as grandes empresas de mídia ignoram.

Quem vive sabe, quem sente o chão que pisa, sabe que comunicação é prática nutrida no cotidiano. Isso, atrelado à nossa escrita, à nossa feitura jornalística, possibilita outros rumos dentro desse campo ainda dominado pelo perfil do homem branco burguês.

A equipe do Favela Em Pauta de hoje trabalha junto há quase dois anos. “A gente já brincava muito antes, e durante a imersão isso se intensificou um pouco mais, sobre descobrir se nós realmente éramos reais. Se tínhamos pernas, porque a gente só se via e interagia de forma online”, conta Ariel Bentes, editora da região Norte. “O encontro também foi uma oportunidade para entender e conversar melhor sobre as periferias de onde cada um vem”.

Para além de se conhecer pessoalmente, a jornalista entendeu que foi um momento importante para fortalecer os laços, criar novas experiências e planejar rumos para o futuro do portal.

Para esses cinco dias de imersão, contamos com alguns parceiros nessa trincheira que é a comunicação independente e feita a partir das periferias. Vito Ribeiro, co-criador da Bombozilla e produtor audiovisual independente, e Rene Silva, Fundador da ONG Voz das Comunidades, estiveram facilitando alguns momentos de trocas de referências e trajetória. Além disso, Daiene Mendes, co-fundadora do FP e anfitriã, organizou uma reunião de confraternização e formação de rede com representantes de favelas como Cidade de Deus, Rocinha, Complexo do Alemão, Duque de Caxias, entre outros que fortalecem as capacidades de conexão de todo o time.

Conhecendo o Complexo do Alemão com Rene Silva

Mais do que um portal, o Favela em Pauta é uma plataforma de projetos em comunicação independente que pretende expor o tanto de Brasis que são possíveis. Maria Jardim vive em Goiânia/GO e pôde somar na nossa imersão fazendo a sistematização de nossas trocas. Sendo o primeiro contato com o FP, a mestranda em linguística enxergou o portal como um observatório crítico, consciente e valorativo de corpos diferentes e também de outros textos, outras escritas e outras comunicações. “Esse encontro e esse fazer se comunicar do Favela em Pauta que, enfim, me trouxe outros horizontes, outras ideias de comunicação. E também me deixou feliz porque entendi que a comunicação (social) tem jeito”, conta.

Matéria anteriorPróxima matéria

Assine a nossa newsletter